Confissoes de uma adolescente musical

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Confissoes de uma adolescente musical

Mensagem por @ Dra. Vivienne Wood em Seg Nov 29, 2010 1:49 pm

Desabafos de uma adolescente musical… (sinopse)
Você já se imaginou sendo selecionada para ganhar uma bolsa na academia de música mais famosa do Brasil só por que escreveu um poema do tipo do nada?...
E ainda terá que competir com 100 jovens talentosos para ganhar uma bolsa para estudar em Harvard?
Bom eu sou a Emanuela G. Bartole essa é a minha situação!
avatar
@ Dra. Vivienne Wood
Princesas de clã

Mensagens : 108
Data de inscrição : 24/11/2010
Idade : 23
Localização : Organizando tudo por aqui ...

Ficha do personagem
Level: Fundadora ... nada mais nada menos ...
Arsenal:
Especie: Fundador

Ver perfil do usuário http://dimencaorpg.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Confissoes de uma adolescente musical

Mensagem por @ Dra. Vivienne Wood em Seg Nov 29, 2010 1:50 pm

Capítulo 1
É sorte ou azar?!


Nossa ... Você acredita que a sua vida pode mudar da manhã para a tarde?
Bom a minha vida mudou e, acho eu, que para melhor! Nesse momento estou a caminho do meu novo colégio, Elite Musical Porto-alegrense.
E você deve estar se perguntando o porquê não?
Bom, o Elite Musical é quase como um colégio normal, quase, porque é lá que estamos treinando, pra concorrer a uma bolsa para a Academia de Música Brasileira!É simplesmente o melhor Colégio-Faculdade do Brasil, tipo a nossa “Harvard musical”.
Só que para entrar você tem que: ou ter um dom ou o seu pai ter o Super - Dom - da - Carteira - Cheia, pois é muito caro. Até ai tudo bem, o problema é que são 100 concorrentes para 12 vagas de bolsistas.
***
Mas toda essa preocupação começou ontem de tarde, um concurso, que tivemos na escola, e os alunos da oitava série foram obrigados a participar para honrar o nome do nosso colégio... Pois bem aqui estou eu sentada com uma folha em branco na minha frente, onde esta escrita em tinta preta: Escreva sobre um dom ou talento que você tenha e concorra a uma bolsa de estudos!
- Coisa idiota e sem fundamento! – sussurrei para o meu professor de história que deu risada e disse baixinho só pra mim:
- Eu não acho, mas se a senhorita esta sem idéias, vai um conselho: descreva seu ‘’dom musical’’ – disse fazendo aspas com os dedos e piscando para mim, voltando a caminhar pela sala.
A esse dom que ele mencionou é uma coisa legal que eu faço desde pequena: eu consigo fazer de tudo o que, ouço ou acontece, música ou poemas, a minha última façanha desse tipo foi na aula dele, História, ele estava comentando como o filho dele era, um menininho de dois aninhos de idade que estava começando a falar frases completas, quando eu entrei em um tipo de transe e comecei a escrever o seguinte no meu caderno:



‘’Eu fecho os olhos e vejo você
Olhando-me com um sorriso bobo na cara,
Foi tão rápido que eu nem notei que estava me apaixonando por você
Foi somente você me olhar e sorrir que eu não resisti, tive que sorrir também,
Seus olhos azuis como o céu me hipnotizam de uma forma gostosa,
Quando você esta pertinho de mim eu coração falha e começo a gaguejar,
Você é meu vicio, não quero acabar com esse êxtase, que você me causa...
Se não ver seus olhos e seu sorriso, fico triste, tenho uma estranha vontade de chorar...
E quando você entra e vem ao meu encontro, rapidamente melhoro, tudo passa,
Seus olhos se comunicam por você, sem você se dar conta disso...
Eu tenho uma estranha necessidade de ver você todos os dias para o resto da minha vida,
Dizendo-te que te amo ... ’’
E quando me dei conta já tinha escrito e já estava cantando baixinho...
- Senhorita Bartole, como sabe de tudo isso?Já não tinha comentado que, a agora a razão do meu viver é o meu pequeno filho e a minha amada esposa... Mas nossa! Você não pode ter escrito isso agora pois esta contando tudo o que sinto pela minha pequena família... - O professor disse coçando a barba com uma cara pensativa, e rapidamente eu disse corada:
- Não senhor eu nem sManua que o senhor tinha uma esposa... Bom se vergonha matasse eu tava morta, enterrada e com flores no caixão, agora com toda a sala me olhado.
- Eu acabei de escrever isso do nada... Se possível eu estava ainda mais corada, pois estava um silêncio, onde ouvir um alfinete caindo seria mais barulhento que uma bomba.
Nossa esse foi o meu King Kong da semana e, pensando bem, vou escrever sobre isso. Quando me dei por conta já estava na hora de entregar, agora teríamos um tipo de recreio para esperar o pessoal do concurso ler as 65 folhas e falar o nome do ganhador...
Trinta minutos depois eles tinham lido tudo e divulgariam o resultado.
- Todos escrevem muito bem e tem muitos talentos... mas a candidata selecionada foi a... Cara odeia suspense desnecessário – Emanuela G. Bartole! – Ok, esquece-se do assunto do suspense!
- O que? Como assim?! Ganhei?!


***


Você já teve a sensação de que alguém lá em cima esta brincando com a sua cara?
Eu sinto isso assim agora, pois acabei de saber que três administradores (os que estavam no colégio) iriam almoçar, lá em casa, comigo e minha tia-madrinha-mãe, já que ela é a responsável por mim aqui em Porto Alegre, longa historia conto mais tarde.
-Manu, ouviu o eu falei?- perguntou a minha madrinha. Ih lá vem bronca!
-... Ah ... Não,tava em outro mundo,desculpa pode repetir?-confessei vermelha
- Eu estava dizendo que foi muita sorte você ter ganhado esse concurso, mas eu gostaria de saber o porquê dos senhores virem aqui daqui a pouco, você sabe?
-Eles falaram que tinham de vir falar com minha responsável, que no caso é você... -repeti tudo o que eles me disseram, e fui colocar a mesa pro almoço já que a dinda estava cozinhando.
– vai demorar? Pra sair eu to com fome... - A mesa já estava posta.
E agora estava indo arrumar o meu quarto, que no momento era meu e dela, pois ela tinha terminado com o Dark, um apelido carinhoso que eu dei pra ele, por causa da sua palidez, eles namoravam e moravam juntos há 10 anos. Ele era e ainda é como um pai pra mim já que nunca conheci o meu, por que ele abandonou a mim e a minha e a minha mãe quando eu nasci.
Nossa eu que achava que tinha superado isso, já que fazia três meses que eles estavam separados, mas pensando bem eu sentia muito a falta dele. A Dinda fala que eu tenho muito dele, tipo o temperamento estourado, e pensando que isso foi uma das principais causas da separação deles...
A campainha tocou acordando-me do meu transe bom pelo menos o quarto e a sala estavam arrumados e fui abrir a porta que susto! tinha um gigante, um cara magricelo, e uma mulher com um rosto angelical.
-Bom dia! Você deve ser a Emanuela G.Bartole, a ganhadora... -ela falou estendendo a mão para mim, que apertei a dela.
–E você deve ser a madrinha dessa adorável jovem estou certa? –perguntou ela para a minha madrinha que estava atraz de mim.
-Sim, sou eu a responsável pela Emanuela, e você é?-perguntou a minha madrinha para a mulher do rosto – de - anjo.
-Meu nome é Angela e esses são os meus afilhados, Caio Capone - ela apontou para o Gigante Bombado - Super - Musculoso – E esse é o Pietro Marques - ela apontou pro magricela pernalta, mas aparentava ter músculos. Caras estranhos, porque um Bombado,uma girafa magra e uma mulher de rosto angelical?


***


Todos já tinham almoçado, a minha tia já estava sem dúvidas, e eles iam embora quando, a Angela disse para minha tia:
- Antes que eu esqueça Emanuela deve ir conhecer o colégio hoje às três da tarde e fazer a sua matrícula, e sim, ela pode fazer tudo sozinha, um caro vira busca-la daqui à uma hora e leva-la para este endereço. -ela entregou um pedaço de papel que tinha um endereço escrito, a Dinda agradeceu.
O Trio - Bizaro tinha ido embora, minha tia estava se arrumando para ir trabalhar,já que ela é desenhista de Cartuns, ela trabalha na parte brasileira da Disney, ou seja, a parte traduz pra português e ajuda com detalhes ‘’brasileiros’’. enquanto eu tirava a mesa ela terminava de se arrumar e eu começava a me arrumar para ir ao tal do colégio.
Eu não estava nem muito arrumada nem parecendo um mendigo estava com meu tradicional All Star preto de cano baixo, minha calça Jeans skini e com uma camiseta branca escrita: agora estou protegida! Que foi uma lembrança da Bahia que eu ganhei da minha madrinha de quando ela foi passar as férias lá. Minha tia já tinha ido trabalhar, faltavam 30 minutos para o carro chegar e eu já estava pronta e estava vendo televisão, tá! Vendo desenho na verdade, não estava nesse mundo eu estava pensando no seria quando crescer, eu queria ser três coisas, uma desenhista como a dinda, uma música já que eu vivo por causa dela ou escritora, pois eu amo escrever, quando toca a campainha.
- Opa! A carona ta ai! -peguei a minha mochila e desci as escadas.
Quando cheguei lá o king Kong chamado Caio e a pernalta Pietro(ambos não aparentavam mais de vinte anos), estavam me esperando ao lado de uma Mercedes prata.
-Nossa! Que carro uau! –exclamei chocada.
Os dois riram da minha cara e me cumprimentaram como se fossemos velhos amigos, e tive a sensação de que nos tornaríamos muito amigos. conversa vai, conversa vem e eu descobri que eles tinham apenas 18 anos, eram irmãos e moravam sozinhos(o que eles exclamaram com o peito estufado) e estudavam no tal colégio também, mas tudo que é divertido e bom acaba rápido logo tínhamos chegado ao colégio, que era imenso, era tipo um castelo medieval estilo Rei Arthur sabe?
- Bom Manu, nos é que vamos te levar e te buscar,depois da tua aula e antes da nossa, apedido da Angela e da sua tia, todos os dias espere por nos tá minha baixinha?- perguntou o Pietro, eu ri e fiquei corada, mas respondi:
-Claro meus guardiões eu vou esperar por vocês! E PI, eu não sou tão baixinha assim tá? Eles riram e entraram no carro novamente indo embora, virei - me para encarar o novo desafio de peito estufado.
avatar
@ Dra. Vivienne Wood
Princesas de clã

Mensagens : 108
Data de inscrição : 24/11/2010
Idade : 23
Localização : Organizando tudo por aqui ...

Ficha do personagem
Level: Fundadora ... nada mais nada menos ...
Arsenal:
Especie: Fundador

Ver perfil do usuário http://dimencaorpg.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum